Como fazer para recuperar os dados de um sistema de arquivos FAT

O sistema de arquivos FAT deriva o seu nome de seu componente principal: a Tabela de Atribuição de Arquivos (em inglês, File Allocation Table). Este sistema de arquivos teve a sua origem na década de 1980. A Microsoft promoveu ele através de seus sistemas operacionais DOS e Windows.

Como funciona o sistema de arquivos FAT?

Originalmente, usando 8 bits por entrada, ele evoluiu para as versões FAT12, FAT16 e FAT32, cada uma usando 12, 16 e 32 bits respectivamente. Normalmente, a Microsoft não diferencia as versões mais antigas e se refere a elas como FAT.

recuperação de dados fat

O elemento principal deste sistema de arquivos é a Tabela de Alocação de Arquivos (FAT), que é alocada na hora da formatação. O sistema FAT divide o espaço de armazenamento em clusters. A tabela FAT contém entradas para cada cluster. Para os clusters usados, cada entrada contém o número do próximo cluster ou um marcador de fim de arquivo. Caso contrário, ele diferencia os clusters não utilizados e reservados. Os clusters reservados são para o uso especial do sistema operacional.

Os diretórios são descritos na mesma tabela. No caso do diretório raiz, a tabela FAT contém o número do primeiro cluster de cada arquivo nesse diretório. Ao usá-lo, o sistema operacional pode construir uma cadeia de cluster até chegar ao marcador de fim de arquivo. Os subdiretórios são tratados de forma semelhante.

O sistema de arquivos FAT32 tem tamanho máximo de arquivo de limitação 4G, devido ao comprimento da entrada na tabela de diretório.

No geral, a arquitetura do sistema de arquivos FAT é simples, eficiente e sobreviveu ao tempo. Este sistema ainda está em uso, sendo o sistema de arquivos padrão em muitos dispositivos de armazenamento removíveis, como pendrives USB, cartões flash e cartões de memória de estado sólido, e muito mais.

Basicamente, todos os sistemas operacionais o reconhecem. Os computadores da Apple, usando o sistema operacional MacOS X, possuem suporte a ele em seu disco de inicialização e em outros volumes. O FAT é, portanto, a arquitetura de sistema de arquivos mais difundida no mundo.

Como faço para recuperar meus dados perdidos?

Excluir um arquivo no sistema de arquivos FAT simplesmente significa removê-lo da tabela FAT. Os dados permanecem intocados até que os clusters sejam substituídos por outro arquivo. Como resultado, os dados excluídos podem ser recuperados com algum software de recuperação FAT, como o Disk Drill, antes de o espaço de armazenamento ser usado novamente.

O Disk Drill está disponível para computadores Windows e Mac. A versão básica está disponível para download gratuito. A versão completa é comercial.

Aplicativo de Recuperação de Dados Disk Drill

Como faço para recuperar meus dados com o Disk Drill?

O Disk Drill pode ser usada de forma eficiente para recuperar arquivos perdidos de um dispositivo de armazenamento que faz uso do sistema de arquivos FAT. Existem duas opções, acessíveis através do menu:

  1. Quick Scan
  2. Deep Scan

A verificação Quick Scan pode ser usada primeiro, após uma exclusão recente. A verificação Deep Scan oferece a possibilidade de procurar arquivos que foram perdidos a mais tempo.

Baixe o Aplicativo de Recuperação de Dados Disk Drill para Windows para Mac

Quick Scan e Deep Scan no FAT

Depois de você escolher entre Quick ou Deep Scan, o Disk Drill prossegue com o processo de recuperação de dados do sistema FAT32. Os resultados são apresentados juntamente com um menu com opções para selecionar ou filtrar diferentes tipos de arquivos. Além disso, é possível filtrar de acordo com o tamanho e a data de exclusão do arquivo. A verificação pode ser pausada a qualquer momento e continuada mais tarde (opção PAUSE). A sessão também pode ser salva para uso posterior (opção SAVE SESSION).

Como Restringir a Pesquisa de Arquivos?

A recuperação de dados de sistema FAT32 pode ser feita de forma mais eficiente usando a opção Preferências. Esta opção permite restringir a busca selecionando um tipo de arquivo específico.

Como Faço para Evitar a Perda de Dados?

A perda de dados pode ser facilmente evitada usando a opção Protect e ativando o Recovery Vault. O Recovery Vault é basicamente uma camada extra de proteção adicionada à Lixeira. Ele fornece outra linha de defesa contra a perda de dados.

Alternativamente, o Guaranteed Recovery (GR) é uma opção para computadores Mac. Quando ativada, ele mantém uma cópia de todo arquivo enviado para uma pasta especifica, como por exemplo, a Lixeira.

Como Faço para Criar uma Cópia de Segurança com o Disk Drill?

No menu Extras, o Disk Drill possui uma opção para criar uma imagem do seu HD chamada de “Back up into recoverable disk image”. Esta opção fornece dados de backup em três diferentes formatos de arquivo: img, dmg e iso. Os arquivos podem ser recuperados posteriormente com o próprio Disk Drill ou com qualquer outro aplicativo que suporta arquivo de imagem.

Como recuperar dados excluídos de partições FAT e FAT 32 updated: Março 21, 2018 author: VL